terça-feira, 24 de agosto de 2010

como é o nosso amor?


O nosso amor é um prefeito desencontro!
É como um passo de dança que é feito sem que exista um alguém a aplaudir no vazio de uma sala de espectáculo! É como um executar de um lift que não tem um parceiro para garantir segurança e beleza! É como um grito de dor calado por entre os sons da cidade agitada num momento de grande tenção! É como um bater rápido do coração num momento de prazer e o rebentar das águas numa noite de verão!
O nosso amor é um imperfeito encontro!
É como um subtil sopro de vento numa noite calma e limpa! É como um piscar de olhos coordenado sem que ninguém lhes tenha imposto um ritmo! É como executar os passos de dança no tempo certo e no fim tudo ter estado errado! É como pensar uma coisa e fazer outra!
O nosso amor é um perfeito e imperfeito encontro e desencontro!
É como saberes que sou tua e não seres meu! É como eu saber que me queres e não te ouvir dizê-lo. É como saberes que sou apaixonada por ti e quereres outras mulheres! É como eu saber que os passos de dança estão todos trocados e que os ritmos foram todos mudados e continuar a cometer os mesmos erros! É como saberes que os teus medos, os teus esquemas, as tuas vergonhas e os teus orgulhos não te servem de nada e continuas a deixar-me ir.
É como eu saber que num suave e rápido movimento posso matar o sentimento e é como saberes que se eu o matar nada o irá fazer renascer!
E mesmo assim,
tu deixas o nosso amor morrer!



O nosso amor é assim!

7 comentários:

Posso não concordar com nenhuma das palavras que tu disseres, mas defenderei até à morte o direito de tu as dizeres.
Voltaire