sexta-feira, 8 de outubro de 2010

o outro lado!


Sinto que está a ser tudo fruto da minha imaginação e que os comentários que se soltam no ar são apenas para o meu coração de entreter com mentiras fulminantes que me deixam a mente a flutuar! No fundo sei que é tudo mentira, mas faço para acreditar apenas em 1% para não me sentir triste e só como nos últimos meses.
Como sempre, tenho é medo das consequências que podem existir por eu acreditar, por eles dizerem e por nós fingirmos que sim e que não. E depois tu és tão incerto, tão difícil de ler, tão estranhos nos teus passos que eu nem sei o que pensar de ti! E é quando os nossos olhos se cruzam num ponto comum e seguem os mesmos passos durante escassos segundos que eu nem sei se devo desviar o olhar ou deixar-me ir por entre tanto mistério. Nesses momentos a minha mente divaga por entre corpos que se soltam de mim e que retratam o que eu queria fazer, mas de mim não vês nem sentes nada. É o medo, é a falta de coragem, é a falta de certeza.
Quando no fim do dia regresso a casa, sinto que ficaram muitas coisas por dizer e as lágrimas começam a cair por entre soluços de raiva onde não restam apenas possibilidades. Nesse momento, tenho vontade de voltar atrás e de te abraçar como nunca o fiz (porque nunca te abracei) e dizer-te que podes ser meu porque eu também quero ser tua. Mas não tenho certeza se é isso que queres. E choro, choro num sufoco sem limites, como se de uma morte anunciada o meu coração estivesse à espera! Deito-me no chão frio e ruidoso e sinto que do outro lado poderás estar tu, a ouvir o meu palpitar acelerado e sem ritmo.
Mas nada é certo e esqueço-me que no fundo não vale a pena pensar tanto nisto, o que tiver de acontecer acontece.
E é entre lágrimas e suspiros de ansiedade que sinto que realmente estás do outro lado e como sinal envias-me a tão esperada mensagem "estou aqui!".
E sem demora o meu corpo relaxa e consegue sentir-te do lado de lá do amor!

17 comentários:

  1. Adorei, está lindo :)

    ResponderEliminar
  2. fala-me sobre este texto!

    ResponderEliminar
  3. Que lindo!
    Identifiquei-me bastante à uns tempos atrás.

    ResponderEliminar
  4. Está lindo , força minha querida *

    ResponderEliminar
  5. lindo, está mais que lindo, está perfeito!
    o amor tem destas coisas

    ResponderEliminar
  6. São da Pull, se quiseres umas já sabes ;D

    ResponderEliminar
  7. mas às vezes essas mudanças são boas *-*

    ResponderEliminar
  8. sei sim. mas não tens necessariamente de o perder!

    ResponderEliminar
  9. Pode não haver na loja da tua cidade, mas pergunta na loja se há ou vai haver, levas a referência do site. :)

    ResponderEliminar
  10. eu por acaso, gosto deste tempo, mas odeio quando tenho de sair de casa a chover bué o.o

    ResponderEliminar

Posso não concordar com nenhuma das palavras que tu disseres, mas defenderei até à morte o direito de tu as dizeres.
Voltaire