segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

my prince



hoje só quero que guardes uma palavra de todas as que aqui escrever. não me perguntes porquê que assim tem de ser, limita-te a fazer o que te peço!
tenho gostado todos os dias mais de ti, acho-te um doce apesar de adorar dizer-te o contrário.
espero que o sentimento cresça, espero ver-te o mais depressa possível, espero abraçar-te com muita força e dar-te muitos beijinhos. é mesmo isso que eu quero, eu juro que é!
mas o que eu quero que tu guardes é que te adoro e que és um verdadeiro príncipe.
feio. mas príncipe!
p.s.- you are my yellow

10 comentários:

Posso não concordar com nenhuma das palavras que tu disseres, mas defenderei até à morte o direito de tu as dizeres.
Voltaire