quinta-feira, 28 de outubro de 2010

uma cama feita de sonhos!


sonho contigo todas as noites e por mais que me deite a pensar em tudo menos em ti, o meu sonho não muda! és tu e tudo o que me faça lembrar-me de ti, naquilo que é a minha alma e o meu corpo numa altura em que durmo como um anjo.
e o pior de tudo é que estou sempre a aparecer contigo, estamos sempre nós! e é esse nós que eu não conheço de maneira nenhuma. são as conversas, os abraços, a tua voz doce e delicada, o teu cheiro suave, as tuas mãos meigas e frias e os nossos olhares comuns. sinto-me tão bem quando sonho assim, quando vivo num imaginário que eu queria que fosse a minha realidade, o meu pão nosso de cada dia. mas quando acordo e percebo que a realidade é bem diferente do que vive, entendo que podia ter ficado a dormir por mais uns minutos e consequentemente ter sonhado com um nós que nem existe, mas que alimenta a alma em momentos de paz profunda.
sabes que mais? vou dormir! vou sonhar! vou viver a minha outra vida, pois só ela me leva a ti, só ela me conforta, só ela me faz ser tua.. nem que seja numa horas!

9 comentários:

Posso não concordar com nenhuma das palavras que tu disseres, mas defenderei até à morte o direito de tu as dizeres.
Voltaire