quarta-feira, 21 de setembro de 2011

A lua será sempre a mesma!


Acho que gostei de ti mais do que era suposto!
Acreditei que nada ia mudar e que nem estes pequenos km nos iam separar. Mas como sempre, eu estava errada e sonhei com coisas que não era suposto sonhar, vivi onde não havia uma casa para eu viver. Fui clandestina por umas noites e gostei de ti por umas horas. Foi demais, é demais, será sempre demais!
Contínuo uma sonhadora e o problema é esse: sonho muito, gosto muito mais e depois sofro muito, muito mais!

3 comentários:

  1. A distância não importa, LUTA :)

    ResponderEliminar
  2. não há palavras para este texto,sabes?
    LUTA, só assim alcançarás algo que é TEU!

    ResponderEliminar
  3. Parti: http://voucontarteumsegredo-s.blogspot.com/

    ResponderEliminar

Posso não concordar com nenhuma das palavras que tu disseres, mas defenderei até à morte o direito de tu as dizeres.
Voltaire